quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Espadas

Parece que meu coração está de cabeça pra baixo como o naipe de espadas de um baralho de cartas. Negro, vazio, a própria imagem. Como se eu sentisse uma fome permanente que nenhuma comida ou bebida me satisfaz. Como se sentir frio ou calor, não bastasse mais. Como se faltasse um propósito, uma razão, um motivo pra continuar respirando. Um buraco negro em meio a tanta suposta felicidade. Já não sinto mais meu coração bater forte e intensamente ligeiro por algo ou alguém; não sinto mais meus olhos brilharem ao me sentir bem; não toco, não envolvo, não entrego, não abro minha mente e muito menos minha alma.

Por - NaayBialowas'

Nenhum comentário:

Postar um comentário